Auditorio de Zaragoza


O Auditório de Saragoça, conhecido também como Palácio de Congressos, encontra-se na Calle Eduardo Ibarra, no bairro universitário da cidade. O enorme complexo foi inaugurado em 5 de outubro de 1994 e construído pelo arquiteto José Manuel Pérez Latorre.

Nele realizam-se as principais atuações e atividades culturais de Saragoça, devido à sua grande qualidade sonora. Conta com seis dependências: a Sala Mozart, onde se realizam os concertos mais relevantes; a Sala Luis Galvé – dedicada a concertos de câmara - e a Sala Mariano Garcia, que se utiliza basicamente para realizar reuniões ou congressos. Também se encontram a sala de videoconferências, o hipostilo – que constitui o corredor principal do auditório - e a sala multiúsos, que se usa para eventos temporários, como o Salão da Banda Desenhada, conferências de imprensa, etc. Esta última conta com uma ampla cafetaria na qual pode descansar e tomar algo antes, depois ou durante o evento a que veio assistir.

No lugar atuam artistas internacionais e de grande prestígio. No entanto, há três formações musicais que são como residentes do auditório. Estas são a orquestra de câmara do Grupo Enigma, a orquestra barroca Al Aire Español e o coro Amici Musicae.

Se for visitar a cidade, não se esqueça de consultar o programa da temporada através da sua página Web oficial. Desta maneira, poderá deleitar-se com um espetáculo de qualidade num lugar único.

Em frente ao edifício encontra-se La Romareda, o estádio de futebol que acolhe os jogos do Real Zaragoza. O auditório encontra-se perto do rio Huerva e, ao atravessá-lo, descobrirá o imenso Parque Grande José Antonio Labordeta.

A zona é das mais concorridas da cidade, pelo que se deseja aceder à mesma no seu veículo poderá encontrar estacionamento num dos nossos parqueamentos públicos Saba, a poucos metros do auditório na Avenida Juan Carlos I, n.º 44.