Templo Expiatório da Sagrada Família

O Templo Expiatório da Sagrada Família, mais conhecido como a Sagrada Família, é um símbolo de Barcelona e um dos expoentes máximos do modernismo, ainda que no início da sua construção o estilo que iria adquirir fosse neogótico. Quando o arquiteto catalão Antonio Gaudí assumiu as obras do projeto em 1882, não havia dúvida que a obra seria modernista.



Dedicada ao culto, a Sagrada Família é o monumento mais visitado de todo o território espanhol. A sua cripta, abside e fachada foram declaradas Património da Humanidade em 2005. Mas o projeto de Gaudí está inacabado e ainda hoje em dia se trabalha para terminar a magnífica obra, conhecida mundialmente.

Uma vez terminada, a basílica da Sagrada Família ficará formada por 18 torres, que se dividirão em partes iguais sobre as três fachadas que compreende a estrutura. A nave central da basílica apoia-se numa tira de colunas que formam uma espécie de arvoredo que suporta um conjunto de abóbadas de hiperboloides hipertraçados. Tanto a estrutura arquitetónica, a fachada modernista como o interior do templo representam um deleite para a vista e é pois uma visita obrigatória para qualquer um que visite a cidade condal.

A igreja é tão importante para a cidade que inclusive o bairro que a sustenta tem adquirido o seu mesmo nome, Sagrada Família, que faz parte dos seis bairros que formam o Eixample de Barcelona.

O monumento pode visitar-se todos os dias da semana. Para se dirigir ali pode utilizar o seu próprio veículo já que vários dos nossos parques de estacionamento Saba encontram-se na zona. Além disso, os nossos parqueamentos públicos estão disponíveis 24 horas por dia, para que possa encontrar estacionamento sempre que precisar.